FICA CRIADO ESTE INFORUM COMO UM ESPAÇO DE USO DA CATEGORIA COM O INTUITO DE REIVINDICAR, PROTESTAR , SUGERIR, COMUNICAR E DEBATER ASSUNTOS DE NOSSOS INTERESSES DE FORMA SENSATA E RESPONSÁVEL.

Tags: de vigilancia agentes ambiental
23/04/2009 19:09
De: Paulo
IP: 201.88.86.15

HONESTIDADE

PARABÉNS Ao Ministro do STF Joaquim Barbosa, por mostrar o que ter CARATER, DIGNIDADE, HONESTIDADE, SANGUE NAS VEIAS. É isto que falta à maioria dos Brasileiros.
   * Tamanho do texto
   * A
   * A
Após bate-boca com ministro, Gilmar Mendes nega crise institucional 23/04/2009 - 11:39 , atualizada às 17:05 23/04 - Carol Pires, Último Segundo/Santafé Idéias    *
   * Imprimir
   * Enviar
   * Corrigir
   *
   *
   * Fale Conosco
BRASÍLIA - Após trocar ofensas com o ministro Joaquim Barbosa, do Supremo Tribunal Federal, o presidente da Corte, ministro Gilmar Mendes, negou nesta quinta-feira que o episódio tenha causado uma crise institucional no tribunal.
   * Ministro Joaquim Barbosa diz que presidente do STF destrói credibilidade da Justiça

“Não há crise, não há arranhão”, garantiu. “A imagem do Supremo é a melhor possível”, disse, após encontrar com o presidente da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), no Congresso Nacional. O reunião entre os presidentes estava agendada para tratar do Pacto Republicano, assinado na última semana.
Assista ao trecho da sessão desta quarta-feira
Durante sessão plenária na tarde desta quarta-feira no STF, o ministro Gilmar Mendes criticou a posição de Joaquim Barbosa sobre um processo em discussão. Nervoso, Barbosa cobrou respeito do presidente, e disse que ele não poderia lhe dar lição de moral pois está “destruindo a Justiça brasileira”.
"Vossa Excelência me respeite. Vossa Excelência está destruindo a Justiça deste País e vem agora dar lição de moral em mim. Saia à rua, ministro Gilmar. Faça o que eu faço", afirmou Barbosa. “Vossa Excelência não está na rua, está na mídia destruindo a credibilidade do Judiciário brasileiro”, continuou, após Mendes ter respondido que estava, sim, nas ruas.
Ao fim do bate-boca, Joaquim Barbosa chegou a dizer que Gilmar Mendes não estava falando com “seus capangas do Mato Grosso”, e que por isso merecia respeito. Logo após a sessão foi encerrada.
Nota de apoio
Ao longo de três horas na noite desta quarta, oito ministros se reuniram no gabinete de Gilmar Mendes para debater sobre o caso. Eles divulgaram uma nota à imprensa reafirmando a confiança no presidente da Corte.
"Os ministros do Supremo Tribunal Federal que subscrevem esta nota, reunidos após a sessão plenária de 22 de abril de 2009, reafirmam a confiança e o respeito ao senhor ministro Gilmar Mendes na sua atuação institucional como presidente do Supremo, lamentando o episódio ocorrido nesta data”, diz a nota, que não é assinada apenas por Joaquim Barbosa e Ellen Gracie, que não participou da sessão de nesta quarta.
Sessão ao vivo
Questionado se a transmissão ao vivo das sessões seria interrompida após o episódio, Gilmar Mendes disse que não comentaria o assunto, mas observou que “alguns juízes” propõem a revisão deste modelo. “Mas este já é um modelo instituído”, ponderou.
Leia também:
   * Bate-boca desgasta Judiciário, diz presidente de associação
   * Para AMB, bate-boca 'não faz jus à grandeza' do Supremo
   * Conflito reflete desconforto com Mendes, diz procuradora
23/03/2010 15:13
De: Wanderman (wandermanvalero@hotmail.com)
IP: 189.31.22.38

MANIFESTAÇÃO

        O Sindvacs-DF convida todos os agentes de vigilância ambiental e os agentes comunitários de saúde para uma grande manifestação que será realizada no dia 24/3/2010 às 14:30 em frente o Buriti, vamos cobrar mais agilidade no andamento das nossas negociações, contamos com a presença de todos.
Pauta;
AUMENTO SALARIAL, SUBSTITUIÇÃO DO REGIME JURIDICO, REDUÇÃO DE CARGA HORÁRIA, ENTRE OUTRAS.
                                         Wanderman Valero Martins
                                         PRESIDENTE DO SINDVACS-DF
26/09/2009 22:36
De: PL 7495
IP: 189.10.119.134

PL 7495 - Nova tramitação

Ai galera, vamos acompanhar de perto o andamento desta PL.
Acompanhamento de Proposições
Brasília, sábado, 26 de setembro de 2009

Prezado(a) Assinante,
Informamos que as proposições abaixo sofreram movimentações.

   * PL-07495/2006 - Regulamenta os §§ 4º e 5º do art. 198 da Constituição, dispõe sobre o aproveitamento de pessoal amparado pelo parágrafo único do art. 2º da Emenda Constitucional nº 51, de 14 de fevereiro de 2006, e dá outras providências.
- 25/09/2009 Apense-se a este o PL-6033/2009.
- 25/09/2009 Apense-se a este o PL-6035/2009.
08/05/2009 20:50
De: Marina
IP: 189.61.126.225

Sem assunto!!!

Concordo com o colega, acho que todos nós reconhecemos sim o que o Doutor Charles e o Wanderman fizeram por nós, sempre admirei e continuo admirando todos que sempre lutaram por nós, é muito fácil chegar aqui e dar opiniões ou falar mal de alguem, mais uma coisa temos que reconhecer o Wanderman nunca teve medo de da a cara para bater, vamos ver se alguem vai ter a coragem que ele tem para chegar nas pessoas e expor nossa situação como ele faz, é por isso que eu digo falar e emitir opiniões é facil agora ter raça e coragem é outra às vezes para quem esta de fora a situação é muito facil de ser resolvida mais na pratica é bem diferente, a burocracia que existe é muito mais complexa do que pensamos.
28/11/2009 12:02
De: VOTO NULO em 2010
IP: 200.140.94.104

CORRUPÇÃO NO GDF

Corrupção do GDF, enquanto isso ficam nos enrolando dizendo que não têm dinheiro.
ACORDA BRASIL, VOTO NULO NELES em 2010.....
OAB prepara impeachment de governador do DF
28/11 - 11:41 - Erika Klingl, iG Brasília
   *
   * Imprimir
   * Enviar
   * Corrigir
   * Notícias SMS
   *
   * Fale Conosco
A Ordem dos Advogados do Brasil, no Distrito Federal, está preparando um relatório com o pedido de impeachment do governador José Roberto Arruda. Na próxima segunda-feira, a OAB-DF irá designar um relator para o julgamento. A presidente da entidade, Estefânia Viveiros, disse, no entanto, que após a avaliação do relator, o pedido passará pelo Conselho Pleno da OAB, órgão máximo da entidade.
   * Arruda pedia dinheiro de 15 em 15 dias, diz secretário
   * Delator diz que governador do DF comprou haras à vista
   * Vice-governador do DF também recebeu propina, diz inquérito
   * Leia trechos do diálogo entre Arruda e Durval
   * Veja a íntegra do inquérito que deflagrou a operação

“Os 50 conselheiros vão votar para ver se cabe um processo político contra o governador”, afirma. “Caso as denúncias se confirmem, é quebra de decoro.”
Arruda é citado em um inquérito da PF, chamado Caixa de Pandora, pelo qual é acusado de pagar propina à base aliada com recursos vindos de empresas de tecnologia. As acusações foram feitas por um secretário de Estado que denunciou o esquema em troca de proteção policial e diminuição da pena em caso de condenação judicial.
De acordo com Estefânia, existem diferentes tipos de processo num caso como esse. “Quando Collor foi cassado, o julgamento foi político porque existem diferentes esferas. Arruda pode ser punido politicamente e judicialmente”, completa.
Para a presidente da Ordem, os indícios contra o governador são muito fortes. “No inquérito fala-se em 30 fitas. Não sabemos se precisaremos esperar por elas porque os documentos são contundentes”, completa.
Caso aprovado pelo Conselho Pleno do Órgão, a OAB levaria o pedido para a Câmara Legislativa. O problema é que, pelo menos, quatro deputados também são citados no inquérito. Por isso, a OAB estuda se o pedido seria encaminhado para a Casa ou para o Tribunal de Justiça.
   *
     Veja trechos a seguir
         o 2º Parágrafo - Página 2
         o 2º e 3º Parágrafos - Página 3
         o Página 7
         o Página 8
     Veja o inquérito completo
         o Apensos 1
         o Apensos 2
         o Apensos 3
         o Inquérito volume 1
         o Inquérito volume 2
         o Inquérito volume 3
     Leia também:
         o Polícia Federal recolhe R$ 700 mil durante operação    
         o Codeplan bancou campanha eleitoral milionária de Arruda
09/07/2009 15:36
De: AVAS
IP: 201.86.155.160

ENGRAÇADO NÉ.

MUITO ENGRAÇADO VÊ A FOLHA DE PONTO DO WANDERMAN COM FALTAS ATESTADAS PELO RODRIGO E PELO JOÃO MARCELO A MANDO DA DIRETORA DA DIVAL,ELES QUASE NUNCA TÃO NA DIVAL TRABALHANDO,FALTAM MAIS QUE TUDO,AQUILO TÁ LARGADO,ABANDONADO AS ``COBRAS´´ E LAGARTOS,PIMENTA NOS OLHOS DOS OUTRO É REFRESCO NÉ.CUIDADO A CASA VAI CAIR.TEM MAS UMA EM VÉZ DO DOUGLAS SE PREOCUPAR COM O WANDERMAN ELE TEM QUE SE PREOCUPAR EM TRABALHAR OS PROCESSOS CORRETAMENTE PORQUE NA DIVAL TÁ UMA FARTURA,``FARTA TUDO´´,SO NÃO FALTAM AS FESTINHAS NO APÊ.
09/11/2009 13:48
De: Lidiane Pires
IP: 201.86.167.45

BALANÇO DOS CASOS DE DENGUE NO BRASIL

Notificações de casos de dengue até agosto passam de 406 mil em todo o país
Agência Brasil
Publicação: 29/10/2009 14:08
As notificações de casos de dengue em todo o país subiram para 406.883 até agosto. Até julho, o total chegava a 387.158. De acordo com dados do Ministério da Saúde, houve queda de 46,3% no número de registros da doença em relação ao balanço do mesmo período de 2008, quando havia 758.051 casos.
Cinco estados brasileiros apresentaram um aumento significativo de casos: Acre (de 2.141 para 18.106), Bahia (de 33.541 para 101.676), Espírito Santo (de 33.403 para 50.482), Mato Grosso do Sul (de 4.065 para 12.441) e Mato Grosso (de 10.504 para 35.501).
O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, admitiu que a pasta já tinha conhecimento do risco apresentado por cada um dos estados e afirmou que os governos estaduais têm a sua parcela de culpa. “Eles têm a responsabilidade de monitorar  os municípios e de manter uma ação local. Não é uma questão de acusar alguém, mas de aprender com os erros e aperfeiçoar estratégias”, disse Temporão disse ainda que já havia visitado cada um dos estados com pior desempenho e alertado para os riscos de uma descontinuidade no combate à dengue provocada pelas disputas nas eleições municipais do ano passado. “O gestor, ao perceber que já perdeu as eleições, relaxa no combate”, afirmou.
Além da queda de 46,3% nas notificações da doença durante as primeiras 30 semanas deste ano, o ministério informou que os casos mais graves caíram 79,2%, passando de 20.579, em 2008, para 4.281, em 2009. O balanço parcial aponta ainda uma redução de 63,2% nas mortes provocadas pela dengue em todo o país, de 451 para 166.
“Os números que temos são muito significativos. Poderíamos ter tido um resultado melhor se os estados [com os piores índices] tivessem tido um desempenho melhor. Esperamos um desempenho mais homogêneo para 2010”, disse o ministro.
30/10/2009 00:36
De: AVA
IP: 189.6.126.172

EQUIPARAÇÃO

Vanderman desde já digo não na assembléia do próximo dia 04/11 pois negociar em cima do nosso vencimento. pra início de conversa, nosso vencimento, é outro o de nível médio que embromação é essa!????Com esse aumento não chegamos nem ao que nos é devido no nosso piso...Dá licença era isso que você estava escondendo tanto????
07/05/2009 17:42
De: Avas
IP: 66.249.84.65

Re: VOTO NULO EM 2010

Eu não votei nele da última vez,mas agora eu voto no Charles por depois que ele ganhou muita coisa melhorou,salário,acabou a perseguição,acabou com aquela raça do cássio.Alguém dúvida disto.  
Seu IP: 54.167.196.208 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)